sábado, 4 de outubro de 2014

Bolo arco-íris


OH SIM, ELE EXISTE MESMO!

Setembro é sempre mês de festa(s) por aqui.
Há 10 anos que passo meu aniversário preparando a festa da minha filha que nasceu 
3 dias (e 39 anos) depois de mim. 
E, para sossegar minhas pulgas, resolvi experimentar fazer o famoso bolo arco-íris que tomei
conhecimento através do Masterchef Austrália.
Como mentora, chamei minha querida amiga Isabel, companheira de aventuras "cozinhísticas" 
e juntas, executamos a encomenda solicitada pela aniversariante.




Ingredientes para a massa:
8 gemas
8 claras
500g margarina
500g açúcar
500g farinha
100ml leite


A confecção é simples, começamos por bater a margarina com o açúcar (a volta de 5 minutos)
Juntamos a gemas e batemos até incorporar.
Juntamos então 1/3 leite + 1/3 farinha peneirada e batemos, repetindo o processo mais 2 vezes.


Na última dose de leite e farinha, juntamos também uma colher de sopa de fermento e essência de baunilha a gosto.
Batemos então as claras em castelo e, delicadamente com a pá, incorporamos na massa.
Com a ajuda da balança, dividimos a massa por igual em 7 taças e colorimos cada uma delas com corante alimentar em gel


Assamos separadamente cada forma por 25 minutos a 190 graus.
Para ligar e dar alguma humidade  entre as camadas, utilizamos um recheio simples, claro e saboroso (mascarpone + natas + açúcar e sumo de lima)
Por fim, decoramos externamente com glacê de açúcar em pó, clara e sumo de lima.


10 velas e o bolo foi à mesa!!!

Notas
1. É importante dividir o peso total da massa em 7 quantidades iguais, para cada camada ficar com a mesma espessura depois de assada.
2. O corante a utilizar deve ser em gel, pois com o corante líquido não se consegue a cor desejada.
3. Ao contrário do que achávamos, a massa após assada, escureceu o tom do corante. Portanto, da próxima vez vou utilizar menos corante.
4. Cada forma deve ser forrada no fundo com um círculo de papel vegetal ou siliconizado.
5. Para assar, utilizamos 2 formas iguais, onde assávamos, lavávamos a forma e voltávamos a utilizá-la noutra cor.
6. Ao retirar do forno, ainda quente, desenformar cada massa e deixar repousar virada ao contrário, por cima de um pano, para a massa alinhar qualquer espessura irregular que tenha ganhado na superfície.



3 comentários:

  1. Muito legal !! Parabéns para as aniversariantes e para as mestres pasticceras !!

    ResponderEliminar
  2. qual foi o tamanho da forma que usou?

    ResponderEliminar